Aprenda Exercicios de Pilates para Iniciantes

Fáscia e esqueleto

 

Fáscia e esqueleto

Posted by AprenderPilates in Como funciona a técnica Pilates?


A prática regular de Pilates ajuda-o a desenvolver, através do sistema muscular e da fáscia (tecido fibroso), um apoio estável para o esqueleto. Ambos trabalham para melhorar a sua postura e alinhamento, e, como tal, a maneira como se move. Porém, como geralmente mantemos uma má postura durante anos, corrigi-la pode levar algum tempo.
Um sistema muscular eficiente dá-lhe força e uma boa estrutura de sustentação para o corpo. Mas uma boa sustentação passa também pelo fortalecimento do esqueleto e da fáscia, outro pilar da técnica de Pilates.

 

Fáscia

A fáscia é essencialmente uma membrana de tecido. Juntamente com os músculos, tendões e ligamentos, dá estabilidade e sustentação ao corpo. Ao contrário de outros tecidos fibrosos, não se divide. Imagine que o corpo é uma casa e que cada divisão é um músculo com o seu tendão. Na divisão da fáscia encontra-se uma articulação formada por dois osos e rodeada por um ligamento. Os ossos atravessam a divisão para formar articulações noutras divisões, rodeadas por ligamentos, músculos e tendões. A fáscia dá forma às paredes, aos pisos e tetos da casa, ligando cada divisão. Sem fáscia, os músculos, tendões, ossos e articulações não teriam estabilidade para se movimentarem. Os exercícios de Pilates, embora muito lentamente, melhoram o tônus da faseia. Assim, com o passar do tempo, contribuem de modo profundo e duradouro para a estabilidade central do corpo.

fascia

Nesta imagem vemos como o osso (neste caso, o fémur) se encontra rodeado de compartimentos de fáscia e por uma camada de fáscia que se encontra mesmo abaixo da pele. A fáscia dá protecção e estabilidade à aticulação e a prática regular de Pilates irá progressivamente reforçá-la.

Esqueleto

A estrutura óssea e articular encontra-se dentro dos músculos, dos tendões e da faseia. É a peca central para a contração e controlo destes três tecidos fibrosos. Em contrapartida, os músculos, os tendões e a faseia dão força aos ossos e às articulações, suportando os principais estabilizadores das articulações, os ligamentos.

A força do esqueleto (ossos e articulações) é atonada pelos músculos, tendões e faseia. A técnica de Pilates contempla este aspeto, bem como o papel desempenhado pelos ossos e articulações na luta contra a gravidade, luta que se torna mais difícil à medida que envelhecemos A prática de Pilates ajuda a realinhar o esqueleto e contribui, também, para a redução do risco de um desenvolvimento precoce da osteoporose. Uma boa estabilidade central vai permitir-lhe praticar até tarde na vida quase todas as modalidades de exercício físico.

esqueleto

Os exercícios de Pilates vão alinhados osso, o osso e articulação, a articulação, trabalhando o esqueleto para que ele recupere o seu alinhamento natural. Ao mesmo tempo, movem delicadamente as articulações e ativam a proteção do fluido sinovial, mantendo-o a circular à volta dos ossos e das cartilagens.

Fortalecimento do esqueleto e da Fáscia com Pilates